Com mais de 40 km de Litoral, Maceió se destaca pela variedade de praias, das urbanas às mais isoladas


Maceió, a capital do estado de Alagoas, é uma das mais belas capitais do Nordeste. Seus 40 km de litoral, espalhados por 16 praias, entre às urbanas como Pajuçara, Ponta Verde e Jatiúca, indo até paraísos mais afastados como Pratagi e Ipioca, ao norte, impressionam até os viajantes mais exigentes.

O mar de águas azul turquesa, repleto de piscinas naturais formadas pelos arrecifes de corais, mais parece uma gigante piscina natural. Não é de se estranhar que durante um mergulho em suas águas, pequenos e lindos peixinhos coloridos apareçam para lhe fazer companhia, tornado o momento ainda mais especial.

Assistir o pôr do sol de uma dessas praias é passeio imperdível para você e toda família.

A cultura local também impressiona pela sua diversidade, com manifestações folclóricas espalhadas por toda a cidade durante o ano todo e seu belíssimo artesanato de cerâmica, facilmente encontrado nas praias e em lojinhas no centro.

Uma visita pela cidade sem dúvidas deve começar nas já citadas praias urbanas de Maceió – Pajuçara, Ponta Verde e Jatiúca – além da beleza impar dessas três praias, uma excelente estrututa turística espera por você, com muitos restaurantes, barracas de praia e quiosques vendendo os mais diversos frutos do mar.

Por falar em passeios, quem vem a Maceió não pode deixar de visitar também outros maravilhosos destinos, seja ao norte ou ao sul da capital.

Quem busca lugares mais sossegados deve seguir para Pratagi e Ipioca, praias extensas e poucos movimentadas que poderiam facilmente serem confundidas com os belíssimos destinos Caribenhos.

Paripuera e Costa Brava são famosas pelas piscinas naturais, formadas por arrecifes de corais e alcançadas em passeios de barco que partem lotados de turistas atraídos pelas belezas espetaculares do local.

A Praia do Francês chama atenção também por sua imensa barreira de corais, sendo considerada como um dos points para quem visita Maceió, facilmente acessível em passeios de bate e volta que partem diariamente.

Com a maré baixa, o mar da Praia do Francês torna-se uma gigante piscina natural, sendo perfeita para quem está viajando com as crianças em qualquer época do ano.

Já a Praia do Gunga destaca-se por seus milhares de coqueirais à beira da praia, pelas falésias coloridas e ainda o fascinante encontro do rio com o mar, passeio que permite banhos nas águas doces da Lagoa do Roteiro quanto no mar de águas mansas e super cristalinas.

Até aqui já ficou fácil de entender porque Maceió é conhecida como o “Paraíso das Águas”, mas calma que ainda tem mais. Continue a leitura e descubra outros fascinantes destinos para serem descobertos por quem visita a capital Alagoana. 

Praia de Tabuba

Ideal para famílias que viajam com crianças, a Praia de Tabuba impressiona por sua semelhança com uma lagoa quando sua maré baixa está baixa, tamanha a tranquilidade de suas águas.

Oferece ainda boa estrutura para os visitantes, com bangalôs e redes armadas na praia, sendo mais indicada para quem realmente está em busca de muito sossego e tranqüilidade.

Praia do Carro Quebrado

Praia do Carro Quebrado - Alagoas
Praia do Carro Quebrado – Alagoas. Foto: Viagem e Turismo

Localizada a cerca de 45 km de Maceió, Carro Quebrado é uma das praias mais impressionantes de Alagoas, isso porque em sua paisagem você encontrará gigantes falésias coloridas e uma extensa faixa de areia, perfeito para boas caminhadas ao entardecer.

Do alto das falésias, você poderá observar toda a extensão da praia e seu mar de águas esverdeadas, além dos muitos coqueirais que margeiam a região.

Praia do Carro Quebrado - Alagoas. Foto: Viagem e Turismo
Falésias da Praia do Carro Quebrado – Alagoas. Foto: Viagem e Turismo

O nome “Carro Quebrado” não é por acaso: para chegar até essa praia só com veículo traçado. Partindo de Maceió passeios de buggy são uma opção para quem está viajando sem carro, podendo ser facilmente contratados com agências de turismo local.

Não há muita estrututa turística por aqui, a dica para quem visita o local é sempre carregar consigo opções de lanches saudáveis e claro, bastante água.

Dunas de Marapé

Dunas de Marapé
Dunas de Marapé – Alagoas. Foto: Pousada Dunas de Marapé

Contrariando o seu próprio nome, as Dunas de Marapé não são o maior atrativo desta região de Alagoas, mas com certeza rendem um maravilhoso dia em um lugar pacato e sossegado, com atrativos que vão desde passeios no mangue, banho de lama, visita até as falésias coloridas ou simplesmente curtir o visual bucólico do local.

O encontro das águas do mar com a Lagoa de Jequiá é outro maravilhoso atrativo do local, incluindo ainda a Trilha dos Caetés, ótima alternativa para quem busca um contato mais íntimo com a natureza e com a cultura da pesca do caranguejo, iguaria abundante por essa região.

Lagoa de Jeguiá
Lagoa de Jeguiá – Dunas de Marapé. Foto: Pousada Dunas de Marapé

Praia de Paripueira

Praia de Paripueira
Praia de Paripueira. Foto: Ministério do Turismo

Paripueira é uma praia longa, com areias super fininhas, vastos coqueirais e dezenas de barquinhos coloridos desfilando em sua mar de águas claras, ou seja, um paraíso que você não pode deixar de conhecer.

Aqui começam os bancos de corais que vão até o estado de Pernambuco, formando uma das maiores barreiras desse tipo no mundo. Quando a maré está baixa, é possível caminhar mar adentro e boiar nas piscinas naturais com águas morninhas, repletas de peixes, ouriços, corais e super relaxantes.

À 30 km de Maceió, Paripueira é uma excelente opção para curtir com a família, principalmente por ter em sua estrutura excelentes barracas com mas opções de comida.

Barra de São Miguel

Marco_Ankosqui_Praia_do_Gunga_Barra_de_Sao_Miguel-AL
Barra de São Miguel. Foto: Ministério do Turismo

É na Barra de São Miguel, localizado apenas 30 km de Maceió, que fica um dos melhores destinos para os maceioenses, a Praia do Gunga, um majestoso cenário formado pela bela Lagoa do Roteiro, na ponta esquerda, falésias multicoloridas na outra extremidade e um imenso coqueiral atrás da areia.

Não é a toa que a Praia é considerada uma das mais bonitas do Brasil.

Marco_Ankosqui_Praia_do_Gunga_Barra_de_Sao_Miguel-AL
Praia do Gunga – Barra de São Miguel. Foto: Ministério do Turismo

Assim como as outras praias da região, fica quase como uma piscina natural com a maré baixa, exibindo um mar de águas cristalinas que é revigorante para quem banha em suas águas…

O trecho de praia é curto e costuma ficar sempre cheio nos finais de semana. A dica é fazer uma visita durante a semana mesmo, afinal, você está de férias!

Praia de Pajuçara

Marco_Ankosqui_Praia_Pajucara_Maceio-AL
Praia de Pajuçara – Maceió. Foto: Ministério do Turismo
Praia de Pajuçara - Maceió
Praia de Pajuçara – Maceió. Foto: Viagem e Turismo

Pajuçara é uma das praias mais conhecidas de Maceió, com movimento nas areias durante o dia e à noite no calçadão, sempre cheio de turistas caminhando.

É uma das melhores opções para quem está hospedado na capital e não abre mão de belezas naturais, excelente estrutura turística e o típico mar de águas verde turquesa da região.

Daqui partem passeios de jangadas que o levará até as piscinas naturais, repletas de peixinhos coloridos.

Jangadas na Praia de Pajuçara.
Jangadas na Praia de Pajuçara. Foto: Viagem e Turismo

A feirinha de artesanato é outro grande atrativo da Praia de Pajuçara: um galpão reúne uma grande quantidade de barraquinhas que vendem os mais variados produtos. Redes de descanso, castanhas, camisas, panos de prato, roupas produzidas em renda, pequenas lembrancinhas – tem um pouco de tudo nesse lugar.

Marco_Ankosqui_Mercado_do_Artesanato__Maceio-AL
Artesanato de Maceió. Foto: Ministério do Turismo
Marco_Ankosqui_Mercado_do_Artesanato__Maceio-AL
Artesanato de Maceió – Foto: Ministério do Turismo

Ipioca

Marco_Ankosqui_Praia_Ipioca_Maceio-AL

Ipioca é outro destino imperdível para quem visita Maceió.

Com areia super branca e fofinha, mar de águas verdes azuladas e muitos coqueiros em toda sua margem, o local assemelha-se a um paraíso perdido, perfeito para você curtir um dia ensolarado e super sossegado.

Os passeios de catamarã são um dos grandes atrativos por aqui, atraindo pessoas de todas as idades para praticar mergulhos e snorkeling.

Como chegar

O Aeroporto Internacional Zumbi dos Palmares fica a 25 km da orla urbana. Do aeroporto parte um circular para Ponta Verde. Táxis cobram R$ 70 pela viagem (preço tabelado). Quem vem de ônibus chega ao Terminal Rodoviário João Paulo II, próximo do Centro e da orla.

O caminho natural para quem vem de carro, tanto do Norte como do sul, é pela BR-101. Para quem vem do sul, uma dica: em São Miguel dos Campos, entre na Al-220 para Barra de São Miguel, seguindo depois pela duplicada Al-101.

















Gostou? Compartilhe nas suas Redes Sociais! :)